sábado, 28 de fevereiro de 2009

Ayrton Senna da Silva (1960-1994)

O mito
Ayrton Senna foi o piloto de Fórmula 1 mais sensacional de todas as épocas. Brasileiro, paulistano, tri campeão mundial de automobilismo, e ídolo de toda uma geração, Ayrton começou a trilhar sua carreira nas pistas correndo em um kart quando em 1983 foi cotado a disputar a Fórmula 3 inglesa. Piloto de Talento, teve sua primeira oportunidade na Fórmula 1 apenas um ano depois, em 1984, na escuderia Toleman, e depois mudou para a Lotus-Renault em 1985, onde conquistou 5 Grandes Prêmios. Em 1988 Senna começou a correr na McLaren-Honda, ao lado de outro grande piloto - Alan Proust. Ano em que conquistou seu primeiro título mundial. houveram outros dois, em 1990 e 1991, pela mesma equipe.

O homem

Filho de pais ricos, o menino Ayrton era um excelente aluno de educação física, artes e química, mas enfrentava dificuldades em física, matemática e inglês. Percebeu desde cedo que seu hobbie seria sua profissão. Homem religioso, era leitor assíduo da bíblia, e sempre demonstrava preocupação com a pobreza generalizada no Brasil. Chegou a gastar milhões de sua fortuna pessoal em ações que beneficiaram crianças carentes de seu país. Pouco antes de seu trágico acidente, ele fez o esboço da concepção de uma organização dedicada à educação de crianças brasileiras, o que mais tarde viria a se tornar o Instituto Ayrton Senna.

O posteridade


Na triste manhã de 1º de maio de 1994, o carro do maior piloto de Fórmula 1, depois da era Fangio, colidia contra o muro numa curva no circuito de Ímola, Itália. Luto nas pistas; luto no Brasil. Ayrton Senna, tricampeão mundial, uma lenda viva do automobilismo, morria, deixando um nome que nunca será apagado da história das corridas de automóveis.

Longe de se aninhar nas mais tristes lembranças dos aficionados do esporte, porém, Ayrton Senna se multiplicou com a força de um bólido, desde seu falecimento.

Frases de motivação pelo próprio Ayrton Senna:

"No que diz respeito ao empenho, ao compromisso, ao esforço, à dedicação, não existe meio termo. Ou você faz uma coisa bem feita ou não faz."

"Quando você não está feliz, é preciso ser forte para mudar, resistir à tentação do retorno. O fraco não vai a lugar algum."

"O medo faz parte da vida da gente. Algumas pessoas não sabem como enfrentá-lo. Outras, acho que estou entre elas, aprendem a conviver com ele e o encaram não de forma negativa, mas como um sentimento de auto preservação."

"Se você quer ser bem sucedido, precisa ter dedicação total, buscar seu último limite e dar o melhor de si mesmo."

"Não sei dirigir de outra maneira que não seja arriscada. Quando tiver que ultrapassar, vou ultrapassar mesmo. Cada piloto tem um limite. O meu é um pouco acima do dos outros."

"Canalizo todas as minhas energias para ser o melhor do mundo."

"Brasileiro só aceita título se for de campeão. E eu sou brasileiro."

"Se depender de mim, vocês, jornalista, irão esgotar os adjetivos do dicionário."

"Quero melhorar em tudo. Sempre."

"O fato de ser brasileiro só me enche de orgulho."

Continue lendo...

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

SsangYong pede moratória

... Mas importador brasileiro tranquiliza compradores.

A montadora sul-coreana SsangYong pediu moratória a um tribunal de Seul, capital da Coreia do Sul. A decisão foi tomada depois de uma reunião com o grupo proprietário da marca, a Xangai Automotive Industry Company (SAIC), maior empresa automobilística da China.

A Ssangyong alega estar enfrentando problemas de liquidez devido à crise econômica, ocasionados principalmente pelo mau desempenho da empresa nas exportações.

Em dezembro, a retração das vendas foi de 53,5%, com 5 540 unidades vendidas. Para enfrentar a situação, foram anunciadas ações como paralisação na produção e o corte de salários e aposentadorias.

A marca também está presente no Brasil, onde comercializa os utilitários Actyon, Actyon Sports, Kyron e Rexton II, além do sedã Chairman.

A representante oficial da montadora no país informou que a SsangYong não deixará de produzir seus modelos na Coreia do Sul e manterá o fornecimento de peças originais ao mercado brasileiro. Segundo um comunicado da assessoria de imprensa da Districar, responsável pelas operações da SsangYong, "em dezembro de 2008 os diretores da empresa foram convocados a participar de negociações em Seul que resultou na garantia integral de fornecimento a todas as distribuidoras da marca em 115 países".

Fonte: Carro OnLine

Continue lendo...

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

Carlos Alberto de Oliveira Andrade - CAOA ( - )

Atualizado para:


Continue lendo...

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Ettore Bugatti (1881-1947)

Atualizado para:


Continue lendo...

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Carrol Shelby (1923 - )


Nascido em 11 de janeiro de 1923, filho de Warren Shelby, cresceu na zona rural de Leesburg, Texas. Sua família mudou-se para Dallas, onde Carrol seguiu seus estudos secundários. Ele serviu à Força Aérea dos Estados Unidos da América durante a Segunda Guerra Mundia, sendo instrutor de vôo e piloto de provas. Com suas economias ele adquiriu uma pequena frota de caminhões de entulho e então decidiu entrar para o negócio do óleo. Depois começou a construir carros, os Cobra, que participavam das 24 horas de LeMans, que lhe deram bastante prestígio. Shelb teve a missão de preparar para a Ford o GT-40, que consquistou cinco títulos e ganhou da Ferrari 330P4, que também corria LeMans. Em 1965 ele criou duas versões esportivas para o Mustang, ram os Shelby GT-350, com motor de 350 pol³ (5.740 cm³) e GT-500, com motor de 500 pol³ (8.200 cm³), uma das versões mais famosas do carro. Hoje ele se tornou uma lenda e ficou conhecido no Salão da Fama do Automóvel.

Fonte: A história dos automóveis do Brasil

Continue lendo...

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Louis Renault (1877-1944)

Nascido em 18 de fevereiro de 1877, em Paris, na França, Louis Renault era o quarto filho de Alfred Renault, que tinha uma pequena venda de telas na "Place des Victories". Na época em que na França só se falava em automóveis, Louis teve a oportunidade de ir ao primeiro Salao do Automóvel de Paris, com apenas 12 anos. A partir daí, Renaul queria conhecer o máximo possível sobre aquelas máquinas, apesar da posição do pai sobre isso. Ele passava dias inteiros no jardim da sua casa fazendo inventos na sua casa em Billncourt, mas vários deles falhavam. Ele inventou um gerador de vapor do qual ganharia dinheiro ao vendê-lo à fábrica de caldeiras Delaunay-Bellevile. Ele deixou a opção de seguir os estudos superiores para trabalhar nesta empresa, mas teve que cumprir com seu serviço militar. Também construiu uma ponte desmontável que o torno admirado pelos seus superiores. Quando terminou a sua temporada nos acampamentos militares, viajou para sua oficina em Billancourt tendo decidido que iria realizar seus projetos ao criar suas própria empresa. Em 1898 ele construiu o Renault tipo A. Era seu primeiro veículo e conseguiu 12 pedidos. Um ano depois patenteou uma caixa de câmbio com 3 marchas à frente e uma à ré, instalada no Renault tipo B, que tinha um motor de 450cm³ refrigerado a ar. Naquele ano foram produzidas 76 unidades e 110 pessoas estavam trabalhando na Renault Freres. Depois, junto ao seu irmão Marcel, fundou a Irmãos Renault. Essa empresa fez sucesso e foi prestigiada com seus automóveis nas competições que aocnteciam, mas Marcel morreu em 1903 por causa de um acident em uma dessas corridas. Quando chegou a Primeira Guerra Mundial, p governo obrigou Renault a fazer armas, daí surgiu o primeiro tanque de guerra, o Renault FT, uma inovação para a época. Quando havia acabado a Guerra, a Renault voltou à produção de automóveis.Com a Segunda Guerra Mundial o governo novamente decretou que a Renault produzisse tanques... Não suportanto a pressão do governo, transferiu-se para os Estados Unidos em 1939. Com a caída da França em 1940, Renault regressou ao seu país para ver a situação da empresa.

Os alemães, interessados na fábrica, lhe propuseram a produção de armamento, e assim se daria início à fase obscura da empresa. Em 1944, quando a França foi recuperada pelos aliados, Louis foi acusado de traição à patria, e já sabendo de seu destino fatal, ele se enfraqueceu rapidamente e morreu em 24 de outubro de 1944, ainda antes do seu julgamento. Em janeiro de 1945, Charles de Gaulle (estadista francês) decidiu nacionalizar a Renault e a companhia passou ser chamada de Régié Nationale dês Usines Renault.


Fonte: A História dos Automóveis do Brasil

Continue lendo...

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Giovanni Agnelli (1866-1945)

Nascido em 1866, em Villar Perosa, na Itália, Agnelli era filho de um agricultores. Serviu ao Corpo de Cavalaria numa época em que um veículo chamado de 'automóvel' já estava causava excitação na população. As rebeliões civis italianas obrigaram Agnelli a pedir licença do exército, sob o argumento de que não estavasatisfeito em lutar contra sua própria gente. Ele passou alguns meses em Verona e depois foi para Turim, trabalhar na primeira fábrica de automóveis italianos, cujo dono era Luigi Storero. Ao longo do tempo Agnelli foi acumulando os conhecimentos necessários para fundar uma empresa e assim, em 1899, ele fundou a Fabricca Italiana de Autombili Torino (FIAT). Sua boa capacidade de aglomerar pessoas talentosas ajudou a empresa a crescer rapidamente. Seu primeiro carro foi construído por volta de 1899, derivado do Panhard & Levassor, que tinha um motor de 5 cavalos, mas quando ele chegou à produção passou a ter 3m25 cavalos. A marca passou por muitas evoluções e hoje é uma das mais antigas do mundo. Agnelli faleceu por volta de 1945.

Fonte: A história dos automóveis do Brasil

Continue lendo...

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Rudolf Diesel (1858-1913)

Atualizado para:

Continue lendo...

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Toyota Prius super econômico

Em testes feitos para homologação do híbrido Toyota Prius 2010, a Toyota divulgou que o modelo teria um consumo médio de 21,1 km/l de gasolina.

Mas, rodando em testes fora da fábrica, o Toyota Prius 2010 obteve marca de cerca de 27,4 km/l, surpreendendo o mercado.

O novo Prius 2010 garante um melhor desempenho e economia de combustível, graças a nova tecnologia de baterias de níquel-metal-híbrido, mais eficientes que as anteriores.

Continue lendo...

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Henry Ford (1867-1947)

Henry Ford nasceu em 1867, na cidade de Springwells Township, 16 km a oeste de Detroid e ele morava numa fazenda de classe média. Ele sempre se interessou por mecanismos de relógios. Desejava seguir sua carreira como relojoeiro e vender cada relógio por 30 centavos, porém, em 1876, quando viu pela primeira vez um veículo de autopropulsão, ele mudou o curso de sua vida e passou a interessar-se em motores a vapor. Ainda nesse ano seu pai, William Ford, Construiu a maior máquina a vapor do mundo, pois ela ocupava dois andares e gerava 1600 cavalos de potência. Para se ter uma idéia de como a tecnologia avançou desde então até os dias atuais, hoje um motor de Dragster gera em torno de 2500 cavalos e tem o mesmo tamanho de um motor V8 comum.

Depois deste primeiro contato, Henry ficou fascinado com com o primeiro motor de combustão interna à gasolina. Na véspera do natal de 1893, quando o filho dele, Edsel, havia nascido, Henry arrastou seu primeiro motor para a cozinha e o colocou em cima da pia. O motor era simples, tinha apenas um cilindro, mas havia funcionado com a ajuda de sua esposa - Clara Bryant. Henry ligou a vela à corrente elétrica da casa e deu a Clara o sinal para injetar gasolina no carburador, enquanto ele girava um parafuso para permitir que o gás vazasse pela válvula. O motor rangeu e sacudiu com violência, expelindo fumaça e chamas pelo escapamento. Depois disso ele resolveu aperfeiçoar o motor e construiu um automóvel para rodar com ele. Em 1896 ficou pronto seu primeiro automóvel, o Quadriciclo, esse protótipo pesava apenas 220kg e podia circular com uma com uma velocidade em torno de 16 e 32 km/h.

Em 1903 Henry Ford construiu outro carro - o seu modelo A -, mas este foi realmente lançado apenas em 1927 com a difícil tarefa de substituir o modelo T, que havia sido lançado em 1903, ano em que foi criada a Ford Motor Company. Henry Ford havia desenvolvido uma nova técnica de produção que diferia do então comum modelo artesanal de produção: era o desenvolvimento em série, caracterizado pelos historiadores como o fordismo.

O modelo T foi criado para ser um carro popular, tendo um custo final ao consumidor de 860 dólares. Incrivelmente, após atingir a fascinante marca de 1 milhão de unidades vendidas em apenas em 1920, em 1921 alcançou-se a marca do segundo milhão de unidades. No último ano de produção deste modelo, em 1927, ele custava apenas 360 dólares.

Em 1919 a Ford se instalou no Brasil para produzir os modelos T e TT, além de que Henry Ford criou uma cidade na Amazônia para fabricar pneus.

Os modelos T eram tão versáteis que alguns proprietários os adaptaram em funçao de transportar gado, fazer frete, reunir cavalos, combater incêncios, gortar grama, ser dirigido na neve e até ser transformado em "casa móvel". Henry Ford também dedicou um pouco de sua vida para a aviação, pois dele era o TriMotor, lançado em 1925, e também era apelidado de "Tin Goose" e "Modelo T do Ar", ambos da Ford Airlines.

Ao longo de sua vida, Henry Ford também criou a Lincoln, uma divisão de luxo da Ford em homenagem ao presidente Abrahan Lincoln e a Mercury, uma divisão de carros intermediários. Henry Ford faleceu em 1947, no dia 7 de abril.

Fonte: A história dos automóveis do Brasil

Continue lendo...

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

IPVA parcelado

Você como a maioria dos brasileiros deve ser daqueles que sempre reclamam na hora de pagar seu IPVA.

Confira o documento abaixo. Mas não ache que está tudo perdido para o dono deste veículo, afinal ele pode parcelar em 3 vezes sem juros.

Continue lendo...

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Ferdinand Porsche (1875-1951)



Austríaco, nascido no dia 3 de setembro de 1875 na cidade de Maffersdorf, Ferdinand Porsche foi o inventor do Fusca,o Carro de maior sucesso da história da indústria automobilística mundial. Ele mudou-se para a alemanha e em Viena trabalhou em uma firma de eletricidade entre os anos de 1893 e 1898. Mas o que ele queria era trabalhar com mecânica automotiva, por isso em 1900 ele construiu, para disputar corridas, um protótipo com motores elétricos e tração nas 4 rodas e outro, também elétrico, com tração dianteira. Em 1906 ele se associou a Daimler e em 1923 ele se transferiu para a divisão de Sttutgart. Em 1931 ele abriu sua própria empresa para projetar carrros esportivos - eis o início da Porsche -, mas em 1932, a pedido de Adolf Hittler, ele deveria construir um carro popular, porque a Alemanha, na época, tinha a metade do número de carros que haviam na França e Inglaterra. Junto ao seu filho, Ferry Porsche (1909-1998), ele desenhou o primeiro esboço do Fusca, um carro com desenho derivado dos Tatra, uma antiga marca tcheca que produzia carros com aerodinâmica e tecnologias avançadas. O motor Clique aqui para continuar...

Continue lendo...

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Nissan suspende produção

O fornecimento dos modelo Sentra e Tiida, importados do México pela Nissan, deverá ser afetado no mercado brasileiro. Isto porque a produção mexicana será paralisada até Março.

A Nissan resolveu paralisar a produção na fábrica de Aguascalientes no México, devido à grande queda nas vendas. Nesta unidade fabril, são feitos os modelos Sentra e Tiida vendidos aqui. Se a demanda continuar caindo, a montadora poderá demitir até 6.000 pessoas dessa unidade mexicana, que tem capacidade para produzir 202.500 veículos/ano.

A Nissan teve queda de 11% nas vendas em 2008 e como outras montadoras, recorre à paralisações para tentar vender seus estoques e evitar demissões, que já começaram pelo mundo inteiro.

Continue lendo...

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Enzo Ferrari (1898-1988)



Enzo Ferrari nasceu em Modena, na Itália, em 1989. Seu sonho, desde a infância era construir o carro mais bonito e mais veloz do mundo. Aos 10 anos ele já havia construído um crrinho de rolimã vermelho escrito "Ferrari' na parte de cima e assistiu a uma corrida de carroa, que eram em sua maioria da Fiat. Quando ficou adulto, disputou ele próprio várias corridas. Com um de seus principais concorrentes, Tazio Nuvolari, Enzo aprendeu que na curva ele não tirava o pé do acelerador, assim o carro tendia a não sair pela tangente. Enzo tentou arranjar um emprego na Fiat, para criar uma divisão esportiva, mas foi recusado porque a empresa já havia dispensado centenas de empregados. Ele tentou na Alfa Romeo e foi aceito. Nesta época ele apresentou à marca o projeto de um carro feito por ele mesmo e pelo designer Vittorio Jano, que na época era o melhor do mercado. Depois ele conseguiu fazer um carro de corrida que levava o emblema do cavalo, chamado de Cavalo Empinado, em italiano era Cavalito Rampante.

Em 1926 ele teve um filho da primeira mulher que se chamava Dino, mas ele morreu aos 30 anos devido à sua distrofia muscular. Na metade dos anos 60, Enzo criou a Ferrari Dino, em homenagem ao seu filho.

Continue lendo...

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Hummer suspende produção

Os trabalhadores da GM envolvidos na produção do modelo HUMMER H2 e H1 Militar estão dispensados até março. Isto está definido pelo menos até março, mas pode se estender por mais tempo. Eles trabalham na cidade de Mishawaka, Indiana.

Além do HUMMER H2, as unidades militares do HMMWV também deixarão de ser produzidas nesse meio tempo. A parada é atribuída as vendas fracas e ao fato de que o modelo ser um carro de nicho. As encomendas do exército americano também foram suspensas até que o novo presidente estabeleça as diretrizes de política externa.

Porta-vozes da empresa chegaram a comentar que ninguém sabe ao certo o que acontecerá com aquela fábrica.

Continue lendo...

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Karl Benz (1844-1929)

Nascido no dia 25 de novembro de 1844, em Karlsuhe, na Alemanha, Karl Benz graduou-se na Escola Politécnica de sua cidade com apenas 20 anos. Ele começou a trabalhar numa fundação, mas o que ele queria mesmo era fundar sua própria empresa. Ele juntou seu próprio capital e com um sócio acabaram abrindo uma oficina, mas apesar do negócio ter durado pouco, Benz não desanimou, pois ele gostava de abrir motores sozinho. Em 1878 ele construiu um motor com ciclo de combustão em 2 tempos, e mais tarde construiu um outro de 4 tempos. Em 1885 ele construiu seu primeiro veículo, um triciclo movido à gasolina que gerava baixa potência, cerca de 0,88 cavalos. Nas primeiras provas, em Münich, também na Alemanha, o motor do triciclo falhou, ,as isto já era o primeiro passo da construção de um veículo que se movese sozinho, e registrou a patente. Com isso Benz se tornou o "pai do automóvel". Benz havia conhecido Gottlieb Daimler, e resolveram juntar-se para montar uma empresa deles: a Mercedes-Benz. Benz pôde ver os primeiros carros de sucesso da marca, mas Daimler já havia falecido em 1900. Kral Benz faleceu no dia 4 de abril de 1929.

Fonte: A história dos automóveis do Brasil

Continue lendo...

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Gottlieb Wilhelm Daimler (1834-1900)

Nascido em 17 de Março de 1864, o alemão Gottlieb Daimler foi um grande engenheiro e inventor, responsável por uma grande 'revolução' na indústria europeia na segunda metade do século XIX, ao desenvolver um motor que funcionava a rotações mais elevadas, a motocicleta e o carburador. Ele foi o fundador da Daimler Motor Company, hoje a poderosa Daimler-Benz.

Àquela época, muitos motores operavam em baixas rotações e se assemelhavam aos motores a vapor. Em 1884 ele desenvolveu um pequeno motor movido a gás que ligava através de um sistema de ignição de tubo quente e com ciclo de combustão de 4 tempos, patenteado por Otto. Em 1885, Daimler conseguiu a patente de um motor monocilindrico vertical com cárter e roda volante. O motor tinha uma válvula de admissão e outra de exaustão. Depois ele criou o primeiro carburador de superfície, pois este era o primeiro sistema de alimentação, utilizado nos carros até os anos 80. Em 1889 inventou um outro motor, desta vez era bi-cilindrico em 'V', sendo que os cilindros eram inclinados a 15 graus. Este motor fez bastante sucesso e foi produzido em larga escala, pois ele tinha uma taxa de compressão 3:1 e o sistema de refrigeração era feito por um radiador e um tanque de armazenamento, a água não circulava pelo motor. Em 1885 ele já havia projetado um motor vertical de altas rotações, mas sua grande invenção foi o carburador com bóia de alimentação, patenteada por Wlhelm Maybach em 1893. Maibach e Daimler trabalhavam juntos desde 1872, sendo que eles fundaram a Daimler Motoren Gesellschaft. A motocicleta também foi uma grande invenção, pois com a ajuda de Maybach, ele adaptou numa bicicleta seu motor vertical, isso em 1886. Em 1889 ele criou o quadriciclo, que era mais adequado para a adaptação do seu motor vertical. Mas todas essas invenções tinham sistema de ignição por tubo quente e transmissão por corrente, além do que seus veículos também ficaram conhecidos como Cannstatt Daimler, pela distinção dos veículos produzidos na Inglaterra, pela Daimler Company de Conventry, criada em 1896. Daimler morreu no dia 6 de Março de 1900, mas com suas invenções, acabou entrando para a história.

Fonte: A história dos automóveis do Brasil

Continue lendo...

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Personalidades do Automobilismo

Neste mês de fevereiro faremos uma homenagem a grandes nomes do automobilismo mundial, com uma breve biografia para que os entusiastas deste tema conheçam um pouco mais sobre as pessoas que são responsáveis por parte do desenvolvimento tecnológico que alcançamos hoje.

A intenção desta homenagem é tentar motivar você, leitor, a acreditar no seu sonho, e tentar fazer sempre o impossível para realizá-lo, porque quem faz o possível não faz mais que a obrigação. Quem sabe um dia você também possa estar marcando uma geração e venha a ser merecedor de uma homenagem pela sua trajetória pessoal e profissional. Independente de sua paixão ser referente à área automobilística ou qualquer outra que seja 'a sua tara', acredite nela, acredite no seu povo e no potencial do seu país. Acredite sempre em você.

Esta sessão será completada ao longo do mês de Fevereiro, com um resumo biográfico das seguintes personalidades, em ordem de postagem:

Gottlieb Wilhelm Daimler;

Karl Benz;

Enzo Ferrari;

Ferdinand Porsche;

Enry Ford;

Rudolf Diesel;

Giovanni Agnelli;

Louis Renault;

Carrol Shelby;

Ettore Bugatti;

João Augusto Conrado do Amaral Gurgel;

Ayrton Senna;

Carlos Alberto de Oliveira Antrade.

Continue lendo...

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Coreana faz 772° exame para tirar habilitação

Uma idosa sul-coreana de 68 anos fará esta semana a prova teórica de motorista pela 772ª vez, após ter seu último teste suspenso na segunda-feira passada, informa hoje a imprensa da Coreia do Sul.

Segundo o diário "Joongang Ilbo", a idosa, identificada apenas pelo sobrenome Cha e moradora de Wanju, no sul do país, se apresentou pela primeira vez a essa prova em abril de 2005.

Os sul-coreanos podem fazer uma vez por dia, o exame teórico - um teste de 40 perguntas - e os resultados são dados de forma imediata.

Em todas as suas tentativas, a idosa obteve uma nota entre 30 e 50 pontos, quando o mínimo para aprovação é de 60 pontos.

Até agora a idosa gastou cerca de US$ 3 mil para tentar, praticamente todos os dias da semana, tirar carteira de motorista.

Um inspetor de trânsito assegurou ao jornal local que ela mantém firme a vontade de tirar carteira, apesar dos constantes fracassos, pois precisa dirigir para trabalhar.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Esta senhora devia ser brasileira e contratada pelo Governo Federal para a camánha:
Sou Brasileiro, e não desisto nunca.

Continue lendo...